Publicado por: gfrochao | Junho 24, 2008

S. João da Eira da Cruz

A FONTE DA EIRA DA CRUZ POR OCASIÃO DE SÃO JOÃO
As fontes, durante vários séculos, foram um importante busílis da vida sócio-cultural dos nossos antepassados. De facto, grande parte da população, não tendo água para consumo próprio, socorria-se dos beneplácitos, concedidos a título de benfeitoria, por aqueles que, tendo água em abundância, cediam generosamente uma parcela dessa mesmo água, para abastecer as referidas fontes.
A fonte era uma espécie de Àgora (praça pública), onde se trocavam olhares, imiscuídos pelo desejo de namoriscar a moça, que vai à Fonte buscar água, ou até para conspirar sobre a vida alheia, aquilo a que o nosso povo designa de bilhardice.
Entre o Rochão e as Figueirinhas situa-se um local, denominado de Eira da Cruz. É precisamente neste lugar que, na primeira metade do séc XX:. se ergueu uma fonte para abastecer as populações locais carenciadas de água. A água proveniente da Ribeiroboieiros(leia-se Ribeiro do Boieiro)foi dividida, sendo uma parte para os heréus (herdeiros) e uma pena dessa divisão para a fonte da Eira da Cruz.
Por ocasião do São João, esta fonte era enfeitada com pompa e circunstância: um acto votivo de religiosidade, onde se exorta esse bem vital que é a água, sob a mecena do divino. Trata-se de uma simbiose entre os elementos naturais, água e fogo e o transcendente – uma tradição arreigada nos povos pagãos e que, com o cristianismo, se associou à figura de São João Baptista, por ser o percursor do Messias e, portanto, o anúncio do verdadeiro lume da fé.
No dia 23 de Junho, véspera de São João, reuniam-se novos e velhos e, em ranchos, iam recolher os lampas para São João, sendo as mais vulgares: murta. louro bento, alecrim, fetos bravos, palmos de São João, rosas de São José, malmequeres e outras flores do época, a fim de embelezarem a fonte.
Com varas de eucalipto ou verga de vime, o arco grande destinava-se a cobrir o poço e o pequeno a fonte . Primeiro colocavam a verdura e depois os flores, que ornamentavam com o seu colorido a verdura, conferindo à fonte um aspecto majestoso de sublime encanto.
Após o enfeitamento da fonte e com o crepúsculo a avisar a chegado da noite lampa, era tempo de preparar a fogueira a fim de se proceder, em tom de ritual, a hábitos tão ancestrais, ainda preservados na memória popular, como é o saltar à fogueira – uma exortação do almo purificado pelas labaredas do fogo. Era ver rapazes e raparigas, novas e velhos, todos em grande entusiasmo a saltar à fogueira e, em grandes fitas diziam: “A folha do castanheiro, amarela cai no chão, vamos dar uma viva a São João.’ Efusivamente todos respondiam, `viva ‘.
Mas a folia não acabava aqui, pois juntavam-se os tocodores de rajão. braguinha. viola de arame e de concertina e, ao som do bailinho, a fogueira tinha outro calor. Outros preferiam os jogos tradicionais, tais como: o jogo do anel, as prendas, o jogo do ramalhete, o jogo da manhã, entre outros. Era uma forma de aproximação física para os namorados, um pretexto abençoado para o amor. Maria Madalena, conhecida por Maria do batoque, disse-nos que , em moça. também participava no São João do Eira da Cruz e, tal como as raparigas do seu tempo, tinha nas sortes de São João uma enorme crença. Isabel de João do Eira, referiu urna praxe peculiar na noite de S. João: as partidas, “era um inferno”, pois, durante a noite e, após as folias da fonte, era frequente roubarem os vasos de flores e colocarem junto da fonte ou até à porta dos vizinhos o que provocava grande indignação e revolta nos pouco dados a estas andanças.

Colectores: Alexandre Rodrigues e Ricardo Baptista


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: